carregando Pesquisa
Estamos nas Redes Sociais: Facebook Twitter
Apostilas Vídeos Artigos Aulas Tutoriais Notícias Testes On-Line Fórum Glossário Downloads Blog Colabore Fale Conosco
Compartilhe:

Projeto de Redes
está hospedado em: metrored.com.br

» artigos
:: Norma ABNT NBR 14136:2002

José Mauricio Santos Pinheiro em 28/06/2007

 

A norma NBR 14136 estabelece o padrão brasileiro para tomadas e plugues elétricos e está baseada na norma internacional IEC 60906-1. A norma brasileira abrange todos os demais produtos relacionados como cabos de ligação dos equipamentos, cordões, conectores, extensões, etc. Os aparelhos eletroeletrônicos deverão ser dotados de tomadas e plugues elétricos (quando o aparelho incorporar tomadas) conforme o padrão.

Em termos de segurança, a norma NBR 14136 aumenta a segurança contra choques elétricos porque, além dos contatos elétricos das tomadas ficarem recuados em relação à face externa do plugue, inclui também um rebaixo (encaixe de plugue) na tomada. Este detalhe construtivo garante que não ocorra o risco de um contato acidental com partes vivas do circuito e conseqüente choque elétrico.

Figura 1 - Inserção de plugue na tomada. O rebaixo evita o choque elétrico

O rebaixo da tomada (poço) também funciona como guia, facilitando a inserção do plugue, principalmente quando a tomada encontra-se em local de difícil acesso ou de pouca visibilidade.

Riscos de sobrecargas

A NBR 14136 unifica as diversas versões de plugues e tomadas existentes no mercado para dois modelos básicos: bipolar (2P) e bipolar com contato de aterramento (2P+T). O novo padrão foi idealizado de maneira a evitar a conexão de equipamentos com potência superior à que a tomada poderá suportar. Em termos de corrente elétrica nominal, a NBR 14136 prevê dois modelos de plugues e tomadas:

Plugues e tomadas para 10A;
Plugues e tomadas para 20A.

A diferença entre os modelos está no diâmetro do orifício de entrada da tomada, que no modelo de 20A é maior, bem como no diâmetro do pino do plugue de 20A, que também é maior. Como resultado, os modelos para 20A aceitam a inserção de ambos os plugues, mas os modelos de 10A apenas plugues de 10A, garantindo que a capacidade de corrente nominal não seja excedida.

Figura 2 - Padronização de plugues e tomadas de 10A e 20A

Aterramento

A norma NBR 14136 prevê para a tomada fixa o terceiro pino ou contato de aterramento, ou ainda contato PE, atendendo às exigências da norma brasileira para instalações elétricas, ABNT NBR 5410:2004. Essa providência também atende outra exigência da norma NBR 5410 quanto à presença de condutor de proteção nos circuitos elétricos de baixa tensão.

Graças às modificações colocadas pela norma NBR 14136 será possível diminuir o número de configurações de plugues e tomadas, o que irá favorecer a otimização de componentes no processo de produção e deixará de existir incompatibilidade de uso dos equipamentos dotados de plugues de três pinos (plugue dois-pólos-mais-terra – 2P+T), sem a anulação do pino de aterramento, como acontece atualmente com boa parte dos equipamentos de redes de computadores, por exemplo.

Compatibilidade

O emprego de tomadas e plugues construídos segundo a norma NBR 14136 não impede o uso de aparelhos equipados com plugue de dois pinos, uma vez que as tomadas construídas segundo o novo padrão aceitam plugues de dois ou três pinos sem problemas. Inclusive, o plugue de dois pinos redondos, tradicionalmente usado no Brasil, é totalmente compatível com o novo modelo de tomada.

Aplicação da norma

Para instalações existentes os novos modelos de tomada e plugue poderão ser usados nos projetos de retrofit da instalação elétrica ou quando houver necessidade de substituição de uma tomada existente por uma nova.

No caso de equipamentos dotados de plugues de três pinos que utilizam o modelo antigo e que necessitarem de conexão usando uma instalação equipada com o novo padrão, o procedimento é a troca do plugue antigo (aparelhos eletrodomésticos em geral) ou do cordão conector (computadores e demais equipamentos de informática, por exemplo).

A disseminação da norma NBR 14136 será gradual, sem nenhuma obrigação ou prazo no que se refere às instalações e equipamentos elétricos em uso. Apenas para os novos projetos de instalações elétricas sua utilização será exigida em função do disposto no item 6.5.3.1 da norma ABNT NBR 5410:2004 "todas as tomadas de corrente das instalações devem ser conforme a ABNT NBR 14136".

Referências Bibliográficas

Tomadas e plugues: o padrão brasileiro ABNT NBR 14136. Revista Eletricidade Moderna, São Paulo, ano XXXV, n. 391, p. 210-211, outubro 2006.

Plugues e Tomadas: Mercado inicia fase de adaptação. Revista ABINEE, São Paulo, ano IX, n. 40, p. 46-47, abril 2007.

José Maurício Santos Pinheiro
Professor Universitário, Projetista e Gestor de Redes, 
membro da BICSI, Aureside e IEC.

Autor dos livros:
 
· Guia Completo de Cabeamento de Redes ·
· Cabeamento Óptico ·
· Infraestrutura Elétrica para Redes de Computadores
·
· Biometria nos Sistemas Computacionais - Você é a Senha ·

E-mail: jm.pinheiro@projetoderedes.com.br



Sumário


Sumário



Sumário

© www.projetoderedes.com.br - Termos e Condições de Uso